zb porn
Versão digital - Cantares

Versão digital - Cantares

Em estoque
 
Leia as primeiras páginas: Download
R$15,90
Formato: e-book
Edição: 2
Ano de publicação: 0
Número de páginas: 104
ISBN: 9788577290499
Sinopse Sobre o autor Comentários (0)
Cantares é dividido em duas partes: Cantar de amor e Cantar de amigos. Na primeira parte, o leitor acompanha o caminho de uma itinerância poético-amorosa, em versos que cantam os encontros e desencontros do amor, como uma potência que encontra na poesia a sua sublimação. Na segunda parte, os poemas cantam o amor aos amigos-poetas, e traça um itinerário de formação de leitura da autora e suas afinidades poéticas, como John Donne, Mário Quintana, Dylan Thomas, João Cabral de Melo Neto, Jorge Luís Borges, Paul Celan, Joseph Brodsky, Fernando Pessoa, René Char, Yeats e Rilke. Em dicção concisa, é um livro que canta o cantar, por isso Cantares, poesia que se canta a si mesma, como sua condição de existência pois é da presença ausente do amor e dos poetas cantados que ela se faz eco e reverberação. Apresentação de marco lucchesi e posfácio de Marília Librandi Rocha.
Livros
Autor Rachel Gutiérrez
Biografia

Escritora. Nasceu em Sant\'Ana do Livramento, Rio Grande do Sul, em 27/12/1935. Pianista com formação clássica, estudou em Viena (Áustria) com o maestro Bruno Seidhofer, em 1957-1958 e durante quinze anos foi professora dos Seminários de Música Pró-Arte, conceituada escola de formação musical no Rio de Janeiro. Em 1968, graduou-se em Filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), e em 1985 obteve o título de Mestre em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde fez o Doutorado em Filosofia no Instituto de Filosofia e Ciências Sociais (IFCS), com projeto de tese sobre a estética da poesia na obra de Lou Andreas-Salomé e sobre o pensamento na obra de Clarice Lispector. Nos anos 80, juntamente com outras militantes, fundou o Grupo de Reflexão Feminista Mulherando e, como representante do Movimento Feminista, foi a primeira mulher a participar de uma candidatura majoritária (vice-governadora) nas eleições cariocas de 1986. Em 1994, junto com as professoras Ester Schwartz, Maria Consuelo Cunha Campos e Lúcia Helena Vianna, fundou a Associação dos Leitores e Amigos de Clarice Lispector, da qual atualmente é uma das diretoras. Seu primeiro livro, O feminino é um humanismo, publicado em 1985, é considerado um clássico do feminismo brasileiro. Conhecedora de várias línguas, traduziu entre outros livros, Eugene O\'Neill (F. L. Carpenter, 1966), Resumo de um tratado da natureza humana (David Hume, 1995), O feminino e o sagrado (Julia Kristeva e Catherine Clément, 2001), é também autora teatral, das peças Lou Andreas-Salomé e Palavra de mulher, e durante sete anos foi consultora editorial da Editora Rocco, para a Coleção Gênero Plural. Reside no Rio de Janeiro.

Fazer um comentário

Seu nome:


Seu comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim            Bom

Digite o código da imagem:



Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro
Desenvolvimento
Criação de sites RJ: Murillo Camargo & Doble
Booklink © 2013 - Todos os direitos reservados